22 de outubro de 2021

Tudo o que você precisa saber sobre gestão de tempo!

Não é de hoje que o mercado está em constante mudança, não é verdade? E para acompanhar isso, é extremamente importante encontrar caminhos que contribuam para aumentar a produtividade. Uma das melhores formas de garantir isso é por meio de uma boa gestão de tempo.

Porém, por mais que os profissionais saibam que a gestão de tempo é algo fundamental, nem todo mundo sabe como colocar esse mecanismo em prática.

Se você chegou até aqui, significa que está interessado em compreender técnicas realmente eficientes para deixar os processos de trabalho mais produtivos. Afinal de contas, o primeiro passo já está sendo dado por você.

Embora muitos profissionais tenham tempo suficiente para cumprir suas obrigações e entregar bons resultados, nem todos sabem administrar corretamente esse tempo para fazer com que isso dê certo. Uma das maiores dificuldades encontradas consiste em não ter gestores que deem as condições necessárias para que medidas duradouras e eficientes sejam colocadas em prática.

Para evitar situações do tipo, é importante ficar atento. Se está ao seu alcance tornar o processo de trabalho melhor para você ou sua equipe, isso precisa acontecer o mais rápido possível. Portanto, continue lendo esse texto até o final para descobrir caminhos realmente eficazes na gestão de tempo.

Boa leitura!

O que é gestão de tempo?

A gestão de tempo pode ser classificada como o processo de organizar e planejar como o tempo deve ser dividido durante as atividades de uma rotina. Ou seja, deve haver uma direção de como o tempo deve ser destinado a cada uma dessas atividades, o que normalmente ocorre por nível de urgência ou importância.

No entanto, para isso dar certo, é necessário ter em mente que uma mudança eficaz só será possível se houver uma mudança de comportamento, além de atitudes que façam realmente sentido. E por mais que muitas pessoas acreditem que estar ocupado é algo que está completamente atrelado a produtividade, saiba que não é bem assim. Nem sempre estar ocupado significa que está havendo produtividade.

Se você for uma daquelas pessoas que já começou diversas tarefas durante o dia, e ao final dele não conseguiu concluir nenhuma, você precisa lembrar que existe algo de errado nisso. Essa é uma das coisas mais comuns no mercado de trabalho.

Muitos profissionais passam por isso, mas nem todos conseguem admitir. Isso ocorre por termos que dividir a atenção com diversas atividades que vão surgindo durante a rotina. Desta maneira, sabendo que o mercado está cada vez mais competitivo, é necessário trilhar um caminho para conseguir driblar isso. Se temos que resolver alguns problemas para ontem, saiba que é possível utilizar o tempo a nosso favor.

É exatamente essa a contribuição da gestão de tempo. Ela está totalmente atrelada ao tempo gasto nos locais certos para fazer a coisa certa, além do melhor conhecimento das suas prioridades e obrigações. Na prática, a gestão de tempo também consegue beneficiar outras áreas da sua vida.

Ou seja, você precisa levar em consideração que a gestão de tempo não necessariamente é um mecanismo que fará você trabalhar mais. Ela contribui para você conseguir fazer a utilização correta do seu tempo disponível. Isso significa fazer mais em uma menor quantidade de tempo.

Quais são as principais vantagens de uma gestão de tempo realmente eficaz?

Como você já deve imaginar, existem uma série de motivos que levam as pessoas a colocarem a gestão de tempo em prática.

Vamos conferir?

·      Maior quantidade de tarefas executadas;

·      Menos retrabalhos;

·      Menos estresses e surpresas;

·      Mais tempo livre;

·      Mais oportunidades;

·      Melhor reputação;

·      Menos problemas;

·      Menos esforço;

Mas, afinal, como fazer uma boa gestão de tempo?

Agora que você já sabe o que é, de fato, uma gestão de tempo e conhece os seus benefícios, chegou o momento de partir para a prática.

Vamos lá?

#01. Comece com um bom planejamento

O planejamento é uma das etapas mais importantes para quase tudo na vida. E com a gestão de tempo, isso não pode ser diferente.

Caso não exista um bom planejamento, você corre o risco, por exemplo, de assumir mais tarefas do que é capaz de suportar. Desta maneira, antes de qualquer coisa, você precisa reunir todas as atividades a serem realizadas.

Ao listar essas atividades, recomenda-se colocar os afazeres de uma forma que permita uma visualização de maneira simplificada. É possível utilizar cores ou símbolos para isso. Além disso, os prazos também precisam estar presentes.

#02. Defina as metas e tenha prazos coerentes

As metas desempenham um papel extremamente importante na gestão de tempo, pois contribuem para aumentar a motivação dos envolvidos em uma atividade. Elas ajudam a manter o foco e, quando atingidas, trazem a sensação de dever cumprido.

Durante o estabelecimento das metas, muitos profissionais contam com o auxílio do método SMART.

Em relação aos prazos, é preciso que eles sejam coerentes com os detalhes da atividade a ser realizada. Ou seja, de nada adianta colocar um prazo que dificilmente será cumprido.

#03. Anote os compromissos

A organização precisa estar presente em uma boa gestão de tempo. Portanto, não deixe para confiar apenas na sua memória e faça sempre as anotações necessárias dos compromissos.

Embora você possa utilizar uma agenda de papel para isso, é importante levar em conta que algumas alternativas digitais também podem ser utilizadas nesse sentido, como é o caso do Google Agenda.

#04. Priorize as tarefas

Outra questão importante consiste em priorizar as tarefas. Como tudo normalmente não pode ser realizado no mesmo dia, você vai precisar dar prioridades às tarefas mais importantes.

Desta maneira, você deve começar pelas atividades que demandam mais urgência. Ao fazer isso, dificilmente as tarefas mais importantes serão deixadas de lado.

#05. Delegue as tarefas

Por fim, delegue as tarefas. As tarefas pouco urgentes ou menos importantes podem ser delegadas por você para outros profissionais. Isso vai contribuir para que não exista uma sobrecarga.

E como nem todo mundo consegue dar conta de tudo sozinho, essa etapa se torna uma das mais importantes.

E então, preparado para impulsionar a sua gestão de tempo? Se você gostou desse conteúdo e deseja aprender mais, basta dar um clique aqui para acessar o nosso blog. Até mais!

Início Blog

Posts recentes

Destaques

22 de outubro de 2021

Tudo o que você precisa saber sobre gestão de tempo!

Não é de hoje que o mercado está em constante mudança, não é verdade? E para acompanhar isso, é extremamente importante encontrar caminhos que contribuam para aumentar a produtividade. Uma das melhores formas de garantir isso é por meio de uma boa gestão de tempo.

Porém, por mais que os profissionais saibam que a gestão de tempo é algo fundamental, nem todo mundo sabe como colocar esse mecanismo em prática.

Se você chegou até aqui, significa que está interessado em compreender técnicas realmente eficientes para deixar os processos de trabalho mais produtivos. Afinal de contas, o primeiro passo já está sendo dado por você.

Embora muitos profissionais tenham tempo suficiente para cumprir suas obrigações e entregar bons resultados, nem todos sabem administrar corretamente esse tempo para fazer com que isso dê certo. Uma das maiores dificuldades encontradas consiste em não ter gestores que deem as condições necessárias para que medidas duradouras e eficientes sejam colocadas em prática.

Para evitar situações do tipo, é importante ficar atento. Se está ao seu alcance tornar o processo de trabalho melhor para você ou sua equipe, isso precisa acontecer o mais rápido possível. Portanto, continue lendo esse texto até o final para descobrir caminhos realmente eficazes na gestão de tempo.

Boa leitura!

O que é gestão de tempo?

A gestão de tempo pode ser classificada como o processo de organizar e planejar como o tempo deve ser dividido durante as atividades de uma rotina. Ou seja, deve haver uma direção de como o tempo deve ser destinado a cada uma dessas atividades, o que normalmente ocorre por nível de urgência ou importância.

No entanto, para isso dar certo, é necessário ter em mente que uma mudança eficaz só será possível se houver uma mudança de comportamento, além de atitudes que façam realmente sentido. E por mais que muitas pessoas acreditem que estar ocupado é algo que está completamente atrelado a produtividade, saiba que não é bem assim. Nem sempre estar ocupado significa que está havendo produtividade.

Se você for uma daquelas pessoas que já começou diversas tarefas durante o dia, e ao final dele não conseguiu concluir nenhuma, você precisa lembrar que existe algo de errado nisso. Essa é uma das coisas mais comuns no mercado de trabalho.

Muitos profissionais passam por isso, mas nem todos conseguem admitir. Isso ocorre por termos que dividir a atenção com diversas atividades que vão surgindo durante a rotina. Desta maneira, sabendo que o mercado está cada vez mais competitivo, é necessário trilhar um caminho para conseguir driblar isso. Se temos que resolver alguns problemas para ontem, saiba que é possível utilizar o tempo a nosso favor.

É exatamente essa a contribuição da gestão de tempo. Ela está totalmente atrelada ao tempo gasto nos locais certos para fazer a coisa certa, além do melhor conhecimento das suas prioridades e obrigações. Na prática, a gestão de tempo também consegue beneficiar outras áreas da sua vida.

Ou seja, você precisa levar em consideração que a gestão de tempo não necessariamente é um mecanismo que fará você trabalhar mais. Ela contribui para você conseguir fazer a utilização correta do seu tempo disponível. Isso significa fazer mais em uma menor quantidade de tempo.

Quais são as principais vantagens de uma gestão de tempo realmente eficaz?

Como você já deve imaginar, existem uma série de motivos que levam as pessoas a colocarem a gestão de tempo em prática.

Vamos conferir?

·      Maior quantidade de tarefas executadas;

·      Menos retrabalhos;

·      Menos estresses e surpresas;

·      Mais tempo livre;

·      Mais oportunidades;

·      Melhor reputação;

·      Menos problemas;

·      Menos esforço;

Mas, afinal, como fazer uma boa gestão de tempo?

Agora que você já sabe o que é, de fato, uma gestão de tempo e conhece os seus benefícios, chegou o momento de partir para a prática.

Vamos lá?

#01. Comece com um bom planejamento

O planejamento é uma das etapas mais importantes para quase tudo na vida. E com a gestão de tempo, isso não pode ser diferente.

Caso não exista um bom planejamento, você corre o risco, por exemplo, de assumir mais tarefas do que é capaz de suportar. Desta maneira, antes de qualquer coisa, você precisa reunir todas as atividades a serem realizadas.

Ao listar essas atividades, recomenda-se colocar os afazeres de uma forma que permita uma visualização de maneira simplificada. É possível utilizar cores ou símbolos para isso. Além disso, os prazos também precisam estar presentes.

#02. Defina as metas e tenha prazos coerentes

As metas desempenham um papel extremamente importante na gestão de tempo, pois contribuem para aumentar a motivação dos envolvidos em uma atividade. Elas ajudam a manter o foco e, quando atingidas, trazem a sensação de dever cumprido.

Durante o estabelecimento das metas, muitos profissionais contam com o auxílio do método SMART.

Em relação aos prazos, é preciso que eles sejam coerentes com os detalhes da atividade a ser realizada. Ou seja, de nada adianta colocar um prazo que dificilmente será cumprido.

#03. Anote os compromissos

A organização precisa estar presente em uma boa gestão de tempo. Portanto, não deixe para confiar apenas na sua memória e faça sempre as anotações necessárias dos compromissos.

Embora você possa utilizar uma agenda de papel para isso, é importante levar em conta que algumas alternativas digitais também podem ser utilizadas nesse sentido, como é o caso do Google Agenda.

#04. Priorize as tarefas

Outra questão importante consiste em priorizar as tarefas. Como tudo normalmente não pode ser realizado no mesmo dia, você vai precisar dar prioridades às tarefas mais importantes.

Desta maneira, você deve começar pelas atividades que demandam mais urgência. Ao fazer isso, dificilmente as tarefas mais importantes serão deixadas de lado.

#05. Delegue as tarefas

Por fim, delegue as tarefas. As tarefas pouco urgentes ou menos importantes podem ser delegadas por você para outros profissionais. Isso vai contribuir para que não exista uma sobrecarga.

E como nem todo mundo consegue dar conta de tudo sozinho, essa etapa se torna uma das mais importantes.

E então, preparado para impulsionar a sua gestão de tempo? Se você gostou desse conteúdo e deseja aprender mais, basta dar um clique aqui para acessar o nosso blog. Até mais!

Início Blog

Posts recentes

Destaques

Downloads